Apoio à reforma agrária

“Não é de hoje que os movimentos sociais sofrem ataques constantes na mídia coorporativa, mas de uns tempos pra cá, a intenção de criminalizar esses movimentos tem assumido níveis absurdos. Os movimentos do campo, que lutam contra o latifúndio, são os mais atingidos. Para dar uma resposta a isto, foi lançada nacionalmente, no último 11 de março em São Paulo, a Rede de Comunicadores em apoio à Reforma Agrária.

Nesta quarta-feira, dia 14 de abril, comunicadores aqui do Rio Grande do Sul se reuniram na sede do Coletivo Catarse para conversar sobre que função esta rede poderia ter aqui no estado, quem pode produzir conteúdo e disponibilizar para o blog já existente http://www.reformaagraria.blog.br/.
Estiveram presentes representantes do próprio Catarse, do coletivo Mulheres Rebeldes, da Ass. de Comunicação do MST e da Regional Metropolitana da Abraço-RS.

Neste primeiro de muitos encontros,trocamos ideias e informações, reafirmamos a importância de ampliar o debate em relação à Reforma Agrária e de fazer um contraponto ao modo como a mídia coorporativa vem tratando a questão. Como encaminhamento prático deste primeiro encontro, ficou o comprometimento de ampliarmos o debate entre os próprios comunicadores (radialistas, blogueiros, cartunistas, muralistas…), para assim termos folego para uma agenda mais propositiva.”

O texto acima é do Rodrigo, integrante da Rádio Comunitária A Voz do Morro e da Abraço, que esteve na Catarse na última quarta pra gente levar esta conversa que ele descreve. Queremos estabelecer um fórum de debates permanente, entre pessoas que trabalham com comunicação, para produzir conteúdos sobre reforma agrária com os pontos de vista que nunca são contemplados na grande imprensa, e construir novos espaços para veiculação. Não apenas assinar o manifesto de lançamento da Rede de Comunicadores em Apoio à Reforma Agrária e veicular o conteúdo do blog já existente nas páginas que mantemos, mas aprodundar a cobertura do cotidiano de quem vive, faz ou tenta fazer a reforma agrária.

O próximo encontro será dia 28 de abril, às 19hs, na Catarse (Protásio Alves, 2514, sala 401 – próximo da Barão do Amazonas e quase em frente ao Colégio Santa Inês – Petrópolis).”

Divulguem e apareçam!

Auto-retrato do primeiro encontro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *