Como um polvo, gente gelatinosa

Pontodevista é leitura diária. Estamos à margem, juntos:

Um cadáver domina a sociedade – o cadáver do trabalho. Todos os poderes ao redor do globo uniram-se para a defesa desse domínio: o Papa e o Banco Mundial, sindicatos e empresários, ecologistas e socialistas. Todos eles só conhecem um lema: trabalho, trabalho, trabalho e trabalho! E mais trabalho. A confusão deve ser vista, sempre, como uma estética aceitável. O sexo fala de uma linguagem baseada em lubrificantes e lubrificações, um tipo diferente de saliva. Se manifeste como um vagabundo, clandestinamente. Os piratas foram os primeiros a montar uma rede de informações. Grande parte deles convertidos ao islã. Você está esperando uma revolução? A minha começou muito tempo atrás…

Leia o resto direto na fonte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: