Frente Nacional em Defesa da Titulação e Sustentabilidade dos Quilombos

Realizou-se ontem a segunda assembléia popular dos movimentos sociais e organizações que integram a Frente Nacional em Defesa da Titulação e Sustentabilidade dos Quilombos, constituída por quilombolas, entidades e organizações do movimento negro. Uma das deliberações foi de organizar uma caravana para integrar a frente nacional que realizará uma manifestação em Brasília no dia 30 de junho.

Segundo os quilombolas, a aprovação do novo estatuto racial retira direitos básicos de existência conquistados nos últimos vinte anos. Além da ação de incostitucionalidade ADI-3239 do DEM, visa desconstruir o decreto 4887/2003, que trata da regulamentação dos processos de demarcação e regularização fundiária dos territórios quilombolas, que está na iminência de ser julgada no STF. Para os quilombolas, essa é mais uma tentativa de apagar a história dos escravos e de seus descendentes.

Eles pretendem realizar manifestações para que o presidente Lula vete o Estatuto Racial aprovado no congresso em Brasília.

Na próxima sexta feira acontecerá uma nova assembléia no Quilombo dos Silva.

Reportagem e fotos Sérgio Valentim

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *