Nessa terra de chacinas

Foi do Utopia que desceram para a luta. Na esquina, onde dizem que pulsa o coração da cidade, morreram os dezenove ao meio dia.

Caídos sobre as pedras agora, pelos que cairam assassinados há 15 anos na curva de uma estrada do Pará. Trabalhadores rurais sem terra e anarquistas sem pátria e sem patrão vivem e morrem esse momento em comunhão. Quando Levanta Favela a rua se abre, vê, escuta, sente e aprende.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *