5ª Feira da BioDiveRSidade

Realizou-se ontem a 5ª Feira da BioDiveRSidade que contou com o apoio de vários coletivos de Porto Alegre, construindo um evento autogestionário e popular ocupando o centro da cidade. Mais precisamente no Largo Glênio Peres, aquele que foi privatizado pela Coca Cola, leia-se VONPAR.
Os coletivos organizaram atividades durante todo o dia, que começou com a montagem da Geodésica as seis da manhã e terminou com o som do Maracatu Truvão, as dez da noite. A rádio da biodiversidade funcionou todo o tempo e abriu espaço para diversas manifestações das pessoas que passavam e das que estavam visitando a feira. Mesmo diante da tentativa da SMIC – Secretaria Municipal de Indústria e Comércio – tentar proibir o funcionamento da rádio, ameaçando acionar a Brigada Militar, alegando que não tínhamos autorização para ligar o som. A funcionária da prefeitura não quis se manifestar, mas na discussão com os organizadores, afirmou que o Largo não é mais um espaço público. Teremos agora que pedir autorização à VONPAR – para ocupar um espaço público?
Os coletivos realizaram uma ação direta em protesto a privatização dos espaços públicos de Porto Alegre com um teatro sobre como as grandes empresas estão lucrando enquanto mais de 3000 mil famílias estão sendo removidas e colocadas em bairros distantes do centro. Os manifestantes cobriram um painel com a marca da Coca Cola que já foi colocado em todo o Largo Glênio Peres.

Veja as fotos e o vídeo da montagem da geodésica


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: