Nova Vila Dique: “Saímos da merda para a bosta seca”

É dramática a situação atual das famílias removidas da antiga Vila Dique, em virtude das obras de duplicação da pista do aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre. A obra está no pacote para que a cidade receba dois ou três jogos da Copa do Mundo de 2014.

No vídeo, os moradores mostram a nova Vila Dique (onde as famílias estão sendo reassentadas). Falta creche, escola, posto de saúde, trabalho. As casas são péssimas. Na entrevista, o morador Gilberto pergunta se pode falar um palavrão, e depois esclarece: “A gente estava patinando na merda lá, agora nós estamos patinando na bosta seca aqui.”

Vídeo produzido pelo GT de Comunicação dos comitês populares da Copa de 2014:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: