Defesa Pública da Alegria

“A cidade precisa ter espaços de afeto, as industrias só tem uma preocupação: que as pessoas consumam”.


3 comentários em “Defesa Pública da Alegria”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *