Quem não se mexe não percebe as correntes que o prendem

Mais uma manifestação contra o aumento das tarifas do transporte público de Porto Alegre.

O Ministério Público de Contas indicou recentemente redução no preço das passagens de ônibus para R$ 2,60, mas a prefeitura decidiu por aumentar o valor de R$ 2,85 para R$ 3,05, seguindo cálculo apresentado pelas empresas de ônibus.

Esta é a resposta dos cidadãos porto-alegrenses.

Dia 1° de abril de 2013, uma mobilização histórica de milhares de pessoas nas ruas da cidade demonstrando sua inconformidade com o aumento e com a gestão do prefeito Fortunatti.

Mais cedo, durante a tarde, o prefeito recebeu representantes de entidades estudantis ligados a partidos do seu governo (link da notícia oficial aqui). Basta uma pequena pesquisa no Google para comprovar…

Enquanto isso, há a promessa de seguirem as mobilizações nas ruas da cidade.

Um comentário em “Quem não se mexe não percebe as correntes que o prendem”

  1. Olá amigos, somos as “revolucionárias de Aracaju” e viemos aqui pedir um trecho do nosso vídeo, ontem no protesto fomos filmadas mas não vi no vídeo postado, será que tem como enviar para nós? o email é ale_aguiar2004@hotmail.com
    guardo contato. grata Alessandra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *