1º dia Congresso do MST: balanço e perspectivas de luta

Por Memória Latina.

Uma mística com 400 participantes contou a história dos 30 anos do Movimento. Em coletiva de imprensa, dirigentes destacaram os desafios da luta por Reforma Agrária.

O primeiro dia do 6º Congresso Nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra – MST – emocionou os mais de 15 mil participantes, reunidos no Ginásio Nilson Nelson, na capital federal. Uma mística com mais de 400 participantes contou a história dos 30 anos do Movimento, em uma prévia do que seria o balanço crítico da luta, e os apontamentos para o futuro dela.

No final do dia, os dirigentes Marina dos Santos e Diego Moreira ofereceram uma coletiva de imprensa, na qual destacaram os principais desafios e avanços do movimento na luta pela Reforma Agrária.

Segundo Marina, hoje existem mais de 350 mil famílias assentadas, distribuídas por 1200 municípios de 23 estados do país. Além destas, cerca de 90 mil famílias se encontram acampadas em 700 agrupamentos, ainda em processo de luta pelo direito à terra.(…)

– continue lendo no site do Memória Latina, clique aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: