Heavy Hour 71 – 25.12.19 – Das profundezas do purple rock!

É chegada a hora de falar da maior banda de Hard Rock de todos os tempos! Pelo menos, em algum ponto de sua extensa carreira, este epíteto – deveras pretensioso – é verdadeiro. Uma banda tão grandiosa que divide suas fases em marcas, desde 1968, com um pequeno intervalo de 8 anos no final da década de 70 e o início dos 80, até os dias de hoje, agregando velocidade, técnica, blues, barroquismos e proguessismos, aliados a uma fúria raras vezes igualada, o Deep Purple marca presença na aclamada lista do Tronco Metaleiro do Heavy Hour com um pequeno apanhado de sua produção musical. Privilegiamos algumas canções daquelas que achamos ser as melhores fases da banda, a aclamada Mark II, sua formação clássica com Ian Paice (bateria), Ian Gillan (vocal), Jon Lord (teclados), Roger Glover (baixo) e Ricthie Blackmore (guitarra), seguida pela absurdamente fantástica Mark III, que contou com as entradas de Glenn Hughes no baixo e voz e David Coverdale, seguida do triunfante retorno da Mark II em 1984. O texto, cheio de adjetivos, é para minimamente tentar dar conta da expressividade musical dos caras, uma banda exibida e sempre na ponta dos dedos com seu virtuosismo pesado. Neste programa temos a presença marcante de Paulinho Betanzos, nosso colega de Coletivo Catarse, que veio dar pitacos, pitos e goles no Estúdio Monstro, enquanto mergulhamos de cabeça na Púrpura Profunda e veloz!

Setlist:
Deep Purple – Smoke On The Water
Deep Purple – Highway Star
Deep Purple – Space Truckin
Deep Purple – Strange Kind Of Woman
Deep Purple – Burn
Deep Purple – You Fool No One
Deep Purple – Mistreated
Deep Purple – Knocking At Your Back Door
Deep Purple – Perfect Strangers
Deep Purple – Child in Time

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *