#086 – Diário de detidos na quarentena


Aqui estamos, mais um dia sob os olhares virtuais de quem nos vigia. Vocês não sabem como é caminhar com a cabeça sob a mira de uma webcam. Câmera chinesa ou de Taiwan… Mas a gente segue a luta no nosso cárcere optativo, enquanto outros, sem possibilidade de escolha, estão ainda mais ameaçados em seus cárceres obrigatórios. Neste episódio do Heavy Hour, abordamos com Silvana, direto de Salvador, da organização Reaja ou Será Morto, Reaja ou Será Morta (https://reajanasruas.blogspot.com), como que segue sendo excluída a população carcerária e como é possível auxiliar neste momento com singelas – mas difíceis – ações quem é colocado no último degrau da pirâmide societária do capitalismo. Avançamos também, direto do Rio de Janeiro, cidade desespero, com o videoativista e fundador da plataforma Bombozila (https://bombozila.com), Victor Ribeiro, sobre o agravamento dessa situação toda em comunidades também desassistidas – aliás, centros definidos de forma leviana e maniqueísta pelos capitalistas da idade mídia como o último estágio antes de se tornar parte da população de presos (ou mortos em “confrontos” com a polícia) do Brasil. Fez a gente, nos nossos lugares seguros de isolamento, brancos de classe média, refletir o quão estranha é esta coincidência de que o tal Covarde-19 vai agir tão ferozmente sobre a população mais frágil, deixando de ser nesses lugares um “simples resfriado”, mas um efetivo ato de uma política fascista higienista em andamento no país já há um bom tempo.

Setlist:
Racionais Mc’s – Diário De Um Detento
Francisco, El Hombre – Bolso Nada
Bush – Cold Contagious
Pavilhão 9 – Get Up Stand Up (Levante a Cabeça)
GolpeBalaBeso – La revuelta de los 500 años
Mercedes Sosa – Solo le Pido a Dios
Rage Against The Machine – Freedom
MC Kawex – São Paulo à Noite, o mundo se divide em dois

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: