Websérie Misturados: Cristal

Está no ar o primeiro episódio da Websérie Misturados. A estreia parte da trajetória de Cristal, rapper e poeta negra. A mais jovem entre os sete artistas que compõe o projeto revela a potência da juventude periférica. A partir de referências como Oliveira Silveira e Lilian Rocha, Cristal denuncia o apagamento da cultura e da história do povo negro no Rio Grande do Sul, estado construído por mãos negras mas que tenta a todo o custo embranquecer sua imagem.

Foto: Billy Valdez.

Porém, nem tudo são espinhos. Como a artista faz questão de destacar, sua obra e seu pensamento não se resumem a dor, sofrimento e enfrentamento constante. Os afetos, a relação com a família e com espaços culturais como o Sopapo Poético – que se apresenta com um espaço de acolhimento e incentivo à arte da jovem – são uma constante no episódio de Cristal.

Além das filmagens realizadas pela equipe do Coletivo Catarse no Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo e na orla do Guaíba, o filme traz também imagens de arquivo do Sopapo Poético, do Slam Chamego e dos clipes “Nefertiti“, “Lá em Casa” e “Intro“. Assim, o curta traça um panorama da obra de Cristal, passando pela poesia, o Slam e a carreira na música, na qual a artista vem se destacando e recebendo o reconhecimento de importantes nomes do rap nacional.

Direção e roteiros: Luiz Alberto Cassol, Ricardo Almeida e Richard Serraria.
Produção geral: Ricardo Almeida.
Produção executiva e realização: LeoSosaMúsica – Produções Musicais.
Gravações, montagem e finalização: Coletivo Catarse.

O episódio faz parte da Websérie Misturados, que apresenta um pouco da diversidade cultural presente na cultura do Rio Grande do Sul a partir de artistas das áreas da música, cinema, literatura e artes visuais. Bebeto Alves, Cristal, Xadalu Tupã Jekupé, Leo Sosa, Richard Serraria, Pará Yxapy (Patrícia Ferreira) e Vãngri Kaingáng são os sete artistas que participam da série. Além dos filmes, a série tem também uma versão em podcast com apresentação da jornalista Ediane Oliveira e do músico e produtor uruguaio Leo Sosa.

Projeto realizado com recursos da Lei Aldir Blanc nº 14.017/2020 – Edital da Secretaria Estadual de Cultura do Rio Grande do Sul nº 09/2020 – Produções Culturais e Artísticas – Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo, Governo Federal.

#docmisturados #aldirblanc #leideemergênciacultural #sedacrs #maiscultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: