O espírito do 8 de março

Semana do dia 8 de março, dia internacional da mulher. Pessoas vendendo flores nas esquinas, escritórios distribuindo bombons para funcionários e clientes.
Bonito, mas desajustado em termos de conteúdo e significado.
Acredito que nisso se revela uma tendência a ser enfrentada e corrigida. A de desvalorizar o presente sobrevalorizando o passado, os bons momentos dos velhos tempo, e sobrevalorizando o futuro, como que emitindo promissórias afetivas.


Leonardo Melgarejo é Engenheiro Agronômo pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1976), mestrado em Economia Rural pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1990) e doutorado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina (2000). Foi representante do Ministério do Desenvolvimento Agrário na CTNBio (2008-2014) e presidente da AGAPAN (2015-2017). Faz parte da coordenação do Fórum Gaúcho de Combate aos Impactos dos Agrotóxicos (2018/2020 e 2020-2022) e é colaborador da Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e pela Vida, do Movimento Ciência Cidadã e da UCSNAL.

#LM060

2 comentários em “O espírito do 8 de março

  • Pingback: Dias mulheres virão (por Leonardo Melgarejo) – .:: RadioCom ::.

  • 12/03/2022 em 10:05
    Permalink

    El día de la mujer cómo muchas fechas emblemáticas ha sido desvirtuada por el Sistema, el capitalismo todo lo que roza lo vuelve mercancía, personas, situaciones, sentimientos, etc.
    Por ello debemos mirar a la raíz de las situaciones que promovieron que las mujeres ( encuentro de mujeres en Copenhague), decidan consagrar el 8 de marzo cómo el día de la lucha por las reivindicaciones de las mujeres. Ese día, un 8 de marzo murieron calcinadas mujeres obreras defendiendo sus derechos.
    La lucha continua, derechos sociales, derecho a la vida (feminicidios), derecho a decidir sobre su cuerpo (aborto), etc. Por ello debemos ligar nuestra lucha al resto del pueblo y no olvidar que el principal enemigo es el Sistema capitalista que engendra todo ello.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: