Carijo

O consumo de erva-mate no Rio Grande do Sul e em outros estados que mantêm este costume provém de uma história ancestral há muito já deixada de lado pelo avançar da produção industrial que caracteriza o modelo econômico da sociedade moderna deste lado do mundo. Milhares de pessoas saboreiam o mate sem saber que este é um costume iniciado por índios e que contém, na sua produção artesanal, uma ritualística que vai desde a colheita das folhas até sua secagem e posterior moagem – tendo como uma das ferramentas básicas para a secagem a estrutura chamada CARIJO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *