Movimentos “devolvem” merda para RBS

Cerca de 300 pessoas de diversos movimentos sociais, estudantis, coletivos comunitários e sindicatos estiveram em frente à sede da RBS, na esquina da avenida Érico Veríssimo com a avenida Ipiranga, para “devolver” a merda que, segundo os manifestantes, pertencem à empresa de comunicação.

Inacessível em outras mobilizações recentes, quando a Brigada Militar impediu que os manifestantes chegassem até o local, com bombas de gás e balas de borracha, desta vez o protesto aconteceu sem a interferência da polícia.

No ato, os integrantes dos movimentos também comunicaram seu apreço pela empresa através de recados deixados na calçada e colados na porta de entrada, tais como “RB$ fascista”.

9 comentários em “Movimentos “devolvem” merda para RBS

  • 11/07/2013 em 23:32
    Permalink

    Não consigo olhar com “bons olhos” pra essa atitude. Sou de militante de esquerda, acompanho manifestações como essas do bloco a um bom tempo, mas acima de tudo sou marxista e compreendo que quem vai limpar essa merda toda sera um trabalhador ou trabalhadora. O patrão nem vai se incomodar, nem vai sentir o cheiro… nada vai mudar!

    Resposta
  • 12/07/2013 em 00:40
    Permalink

    Sim, Liberdade de Expressão (anônima?), deve ter sido um(a) pobre trabalhador(a) que fez o serviço sujo, mas a mensagem simbólica permanecerá e se difundirá. Você como marxista de esquerda deve compreender o conceito de superestrutura e sua relação muitas vezes recíproca com seu complemento material, a base. Mensagens simbólicas podem modificar a superestrutura, reverter conformismos e desesperança e ajudar a modificar as verdadeiras relações materiais de dominação. Imagine que lindo o dia em que o(a) tal trabalhador(a) pobre, ao ser convocada para limpar aquela merda, recusar-se dizendo “vocês que fizeram, vocês que limpem!”. Demissão por justa causa com impacto pedagógico?

    Mas estou supondo que sejas um um marxista de esquerda preocupado com a vida real das pessoas, porque – falando em superestrutura – abundam os “teóricos” que são competentes em ditar regras e interpretações, mas incapazes de sujar as mãos na linha de frente, com o povo.

    Todo apoio ao escracho do Levante!

    Resposta
  • 12/07/2013 em 08:40
    Permalink

    liberdade de expressão, se você realmente é marxista e é contra o “vandalismo” acho que deve fazer uma releitura das obras de marx.
    Um abraço de um marxista de verdade!

    Resposta
  • 12/07/2013 em 12:43
    Permalink

    Linda essa manifestação! e para quem acha o ato é ignorante e não vai mudar recomendo olhar os protestos lá do inicio quando todos diziam que nada iria mudar!!!
    Não se faz revolução de um dia para o outro, a revolução se faz todos os dias!

    Resposta
  • 12/07/2013 em 17:53
    Permalink

    Nada como chamar os outros de fascistas e praticar os mesmos atos que eram praticados por fascistas na Itália. Merda é o que eles tem na cabeça.

    Resposta
  • 12/07/2013 em 20:05
    Permalink

    A reportagem não informa, nem ao menos, o nome da cidade em que o fato ocorreu. Também não informa a qual(is) merda(s) o movimento se refere, ainda que possa estar implícita a relação com o tipo de jornalismo exercido (uma merda), a merda também poderia estar associada a uma situação particular e, por isso, ficou pra mim certa dubiedade, faltou clareza.

    Resposta
  • 13/07/2013 em 06:26
    Permalink

    Marx nunca esteve certo. Ele errou e muito. Além do mais se tu acredita que quem vai limpar é um trabalhador e não um patrão, então você é capitalista. Pois um Marxista de verdade diria ”Oi amiguinhos, vamos nos unir, paz e amor, para limpar toda esta merda”. Capitalismo não é culpa da desigualdade social, é o povo que não quer admitir que é vadio e não quer trabalhar e por isso é a favor do socialismo.

    Resposta
  • 20/07/2013 em 19:09
    Permalink

    Xingue-os do que voces faz. Acuso-os do que voces é.
    Vladimir Lenin

    E ainda tem idiota que se orgulha de ser marxista. Pelo jeito não aprenderam com os mais de 100 milhões de assasinatos cometidos no seculo passado em nome desse lixo ideológico.

    É multa ignorancia.

    Resposta

Deixe uma resposta para liberdade de expressão Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: